Fases da Vida | Matthieu Ricard

Fotor_154089756833680.jpg

“No inicio, deves sentir-te perseguido pelo medo da nascença e da morte, como um veado a fugir de uma armadilha. No meio, não deverás ter nada para te arrepender, mesmo que morras nesse instante, como um camponês que cultivou a sua terra com toda a dedicação e carinho. No fim, tens de estar feliz, como alguém que completou uma grande e imensa tarefa.

A coisa mais importante para se saber é que não há qualquer tempo a perder, tal como se uma flecha tivesse espetada numa parte vital do teu corpo.

One thought on “Fases da Vida | Matthieu Ricard

  1. Perdoe-me a indiscrição: acho que a comparação de um veado com a pessoa, não poderá caber: o animal (veado) age por extinto, enquanto que o ser homem, ao nascer não conhece o medo, ou seja aprende a ter medo através dos seus… sendo assim, o medo apreendido trata-se do medo de uma outra pessoa que foi intimidada pelo meio.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s