Seis aspectos da vida que não deveríamos revelar a ninguém.

Ensinaram-nos que confiar em alguém é bom, obviamente se a pessoa que escolhemos é adequada para ouvir os nossos segredos ou nossos planos. Mas a filosofia oriental tem outra opinião sobre isso; ela diz que não devemos falar sobre algumas coisas, independentemente da relação que existe. Dizer em voz alta algumas coisas não só pode atrair de alguma forma as energias negativas geradas pela inveja e maldade das pessoas, mas também podem reduzir directamente a nossa motivação. Aqui estão seis factos que na visão da filosofia oriental, aconselham a não revelar. 

1. Os limites do seu corpo: Cada um de nós tem um limite em relação ao corpo. O limite pode incluir dor, tolerância ao stress ou, porque não, por exemplo ao álcool também. Saber os limites de uma pessoa pode ser algo que pode transformar-se em vantagem. Nós devemos ser os únicos a conhecer o nosso corpo e sua resistência.

2. Planos futuros: Quantas vezes não podemos esperar para contar sobre um projecto para um amigo ou familiar? De acordo com a filosofia oriental, não é bom revelar projectos futuros para terceiros. Da conversa podem surgir discussões que levam à frustração e à perda de motivação. Não só isso, revelar alguma ideia futura pode dar origem à inveja de alguém que pode impedir a sua realização.

3. Problemas pessoais: Sair com alguém numa alguma situação particularmente cheia de stress é certamente benéfico, mas também é bom limitar o desabafo aos factos realmente sérios. Acima de tudo, escrevê-los nas redes sociais é inútil, senão para alimentar a visão distorcida de pessoas que talvez leiam o que escrevemos sem nos conhecer realmente.

4. Acções de caridade: Fazer o bem deve ser uma vocação e dar uma satisfação exclusivamente pessoal. Como costumamos dizer, a caridade é feita em silêncio, para evitar passar como alguém que quer elogios.

5. A sua opinião sobre os outros: Uma pessoa feliz nunca fala mal dos outros, porque não precisa disso e porque não se beneficia disso. Se vês o lado negativo de uma pessoa, é melhor debater directamente com ela ou ficar calado e evitar conversas ou boatos inúteis. 

6. A sua coragem. Alguns aspectos da nossa personalidade não se descrevem em palavras, mas devemos demonstrar. Para dizer que és corajoso, leal ou confiável, deixe o tempo mostrar; o respeito pelas pessoas é adquirido através das acções e não do que elas dizem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s